O que fazer se o carro pegar fogo?6 minutos de leitura

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Ver o seu carro pegar fogo não é desejo de nenhum motorista, não é mesmo? Porém, pode ser algo que pode vir a acontecer.

São vários motivos que podem ocasionar isso, seja uma colisão ou até mesmo um aquecimento no motor. Dessa forma, nunca se sabe quando um automóvel trará esse tipo de problema e geralmente isso acontece quando nós menos esperamos.

Por ser algo difícil de acontecer, ainda mais que não acontece com todos os motoristas, muitos não sabem como realizar este procedimento.

Mas, afinal, qual é o melhor procedimento? O que fazer quando o seu carro começar a pegar fogo? O ideal é que você utilize o extintor de incêndio ou aguarde uma ajuda chegar para solucionar o problema?

Você não precisa ser um especialista em NR 23, mas é importante ter boas noções sobre combate a incêndio.

Então, veja a seguir o que você deve fazer em casos em que o seu carro pegar fogo sem precisar se desesperar. Confira!

Carro pegando fogo: veja o que fazer se perceber fogo no carro

Como proceder quando o carro pegar fogo? Essa é uma das perguntas mais comuns que passam na cabeça do motorista e até mesmo de passageiros.

O que fazer se o carro pegar fogo
Nem sempre o socorro chega rápido. Saiba o que fazer em caso de incêndio no carro. Foto: Pixabay

Um veículo em chamas é um acontecimento completamente delicado. Afinal, além de causar sérios danos e prejuízos ao automóvel, também pode colocar a vida do motorista e de seus passageiros em risco.

Então, saber como proceder nestas situações é fundamental para a preservação do seu patrimônio e também da sua segurança.

Veja a seguir o passo a passo sobre o que fazer em momentos em que seu carro pegar fogo. Confira!

1º passo: se o seu carro estiver em movimento, procure estacioná-lo o mais longe possível de outros veículos e também das pessoas;

2º passo: assim que isolar o seu carro, desligue-o imediatamente assim que o estacionar;

3º passo: abra uma pequena parcela do capô para deixar que o calor saia sem machucar ninguém;

4º passo: através dessa pequena fresta aberta no capô, utilize o extintor de incêndio localizado abaixo do banco do motorista para conter as chamas;

5º passo: caso não seja possível realizar o controle das chamas com o extintor, um bombeiro deverá ser acionado. Para isso é preciso deixar o carro o mais isolado possível. Você também deve se afastar do local.

É importante ressaltar também que não é indicado utilizar quaisquer tipos de líquido para cessar as chamas.

Como fazer a prevenção de incêndio?

Agora que você já sabe o que fazer quando houver algum caso de incêndio em seu veículo, chegou a hora de aprender como prevenir esse mal na sua vida. Afinal, ninguém quer ter o seu carro pegando fogo, não é verdade?

Contudo, mesmo não sendo possível eliminar em 100% os riscos de incêndio em seu automóvel, há várias medidas preventivas que você pode realizar para minimizar ao máximo este problema, protegendo além do seu veículo, você e todos que estiverem no automóvel.

Mas antes, é preciso saber os motivos que podem causar um possível incêndio em seu veículo. conheça os principais deles a seguir:

  • Panes elétricas e ou curto circuito que são capazes de gerar pequenas faíscas que, quando em contato com líquidos inflamáveis do veículo, podem ocasionar incêndios;
  • Batidas que afetam o motor podendo dar início a vazamentos e panes elétricas que resultam em incêndios;
  • Líquidos inflamáveis de mangueiras ou cabos que podem vir a vazamento por falta de manutenção e que podem resultar em possíveis incêndios quando em contato com o motor do veículo.

Com estas principais causas para um carro pegar fogo, você pode realizar os seguintes tipos de prevenções:

  • Preste atenção sobre as instalações elétricas de seu automóvel. A manutenção precisa ser periódica para que curto circuitos e panes sejam evitadas;
  • Cuidado com a qualidade do combustível que você utiliza em seu carro. è preciso colocar apenas combustíveis de boa procedência para que não haja danos na tubulação;
  • Procure investir em manutenções preventivas para que os desgastes de componentes internos de seu veículo sejam evitados e, assim, minimizar a possibilidade do seu carro pegar fogo;
  • Sempre que notar um cheiro estranho que esteja forte do combustível e até mesmo algum cheiro de queimado, procure por uma oficina imediatamente.

Além dessas medidas preventivas, o motorista também pode optar por realizar um seguro automotivo que tenha um pacote que cubra este tipo de problema. Assim, você poderá ter um custo reduzido em caso de sinistros tanto na mão de obra quanto nos materiais. E em caso de perda total do veículo, após a análise da perícia, é possível receber um carro novo.

Deixe sua segurança a de seus passageiros em primeiro lugar

Quem preza em primeiro lugar com a sua integridade e, consequentemente, a de seus passageiros, sempre irá manter o seu carro em bom estado e com as devidas manutenções em dias e utilização de combustível de qualidade. Dessa forma, é possível reduzir drasticamente os riscos de acidentes e, principalmente, de seu carro pegar fogo. Não só no momento de dirigir o seu carro, mas também quando for adquirir ou vender o seu automóvel. Assim, basta que você procure também por empresas que possam oferecer as condições ideais de aquisição de um carro de forma que você faça um verdadeiro bom negócio.

Veículo em chamas bombeiros
Bombeiros trabalhando para conter o incêndio em um carro. Foto: Pexels

Espero que tenham gostado das dicas. Já passou por algo parecido? Conte a sua experiência aqui nos comentários para os leitores do Guia4Rodas.

Avalie este artigo

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.